fbpx

Como parcelar IPVA

Saber como parcelar IPVA é importante para os pagantes desse imposto. No início de todos os anos, os proprietários de veículos pensam no pagamento dos valores do IPVA, IPTU e outros. Um dos impostos mais importantes, que todos os condutores do Brasil precisam pagar, é o IPVA. Mas muitos ainda possuem dúvidas sobre como parcelar IPVA e para onde todo o dinheiro arrecadado é investido. 

O IPVA surgiu como um substituto para a TRU. A Taxa Rodoviária Única foi criada durante o ano de 1969. A sua principal função era a de financiar e expandir as rodovias do Brasil. Era uma taxa arrecadada para ajudar os governos a construir novas conservação de malha rodoviária. A partir dessa taxa, as principais rodovias do Brasil surgiram. Um dos principais pilares para que o novo imposto fosse criado foi a PEC. E, mesmo que muitas pessoas saibam sobre ela e como parcelar IPVA, eles não têm total conhecimento sobre sua prática. 

O que é o IPVA?

O IPVA é um imposto que todos os estados do Brasil cobram dos proprietários de veículos. Todos os anos, os condutores de veículos do território brasileiro, precisam pagar o IPVA. A alíquota tem variação em todos os estados, sendo de 1% a 6%, segundo estabelecido na Tabela FIPE. Mas como o próprio nome indica, esse imposto não diz respeito apenas para os proprietários de carros ou motos, mas sim a todos os automotores, sejam eles aeronaves, embarcações ou motocicletas. 

Anualmente o valor do IPVA é recolhido, sendo que 50% do total é destinado para os municípios onde o veículo foi licenciado. A outra parte desse valor é destinada aos cofres públicos para que sejam aplicados em diferentes áreas, como a educação ou a saúde. 

O que acontece se o IPVA não for pago?

Os condutores de veículos que não realizarem o pagamento, ou o atrasarem, são implicados em multa. O motorista também não conseguirá fazer o licenciamento de seu veículo, o qual também deve ser emitido anualmente. Os carros que não foram devidamente licenciados podem ser apreendidos e, os proprietários, podem ter o nome incluído em uma lista de órgãos de proteção ao crédito. 

Como parcelar IPVA?

As opções de pagamento deste tributo variam nos estados brasileiros. Mas na maioria dos casos, os contribuintes podem selecionar entre as duas opções:

  • À vista;
  • Parcelado. 

Quando o contribuinte escolhe a opção de quitar o valor à vista, eles recebem um desconto, o qual também varia em cada estado. Nos estados de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro, a média desse desconto é de 3%.Já os condutores que optarem pela opção de parcelar IPVA, tem maior facilidade de pagar pelo imposto aos poucos, mas sem a vantagem do desconto. Se você possui um dinheiro extra guardado, ou tenha planejado previamente, recomenda-se escolher a opção de pagamento à vista, para ter acesso ao desconto. 

Mas se isso não for a melhor opção para o seu orçamento, não pense duas vezes e escolha a opção de como parcelar IPVA. Normalmente isso pode ser feito em até três vezes, com o primeiro pagamento em janeiro e o último em março. 

Os condutores de veículos devem realizar essa consulta através da Secretaria da Fazenda de seu respectivo estado, pois essas datas estão sujeitas a alterações. 

Como efetuar o pagamento do IPVA?

Com o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo já em mãos, os contribuintes podem se dirigir até o Despachante.com para realizar o pagamento. Os condutores podem escolher o pagamento à vista ou a opção de como parcelar IPVA. Esse valor também poderá ser pago através da internet. E, em alguns locais, as lotéricas também fazem esse recolhimento. 

Quais veículos são isentos de pagar pelo IPVA?

Muitos brasileiros são isentos de pagar o imposto, e não precisam se preocupar em como parcelar IPVA, mesmo que o governo não deixe isso claro. Os condutores que possuem deficiência ou alguma outra condição que afete a mobilidade física estão isentos de pagar pelo imposto. Aqueles com problemas graves em suas colunas também são isentos. E os brasileiros que passaram recentemente por uma cirurgia no joelho, punho e coluna também. Além de outras lesões que afetem a mobilidade. 

Os condutores que estão passando por tratamento contra o câncer também são beneficiados com a isenção do pagamento do imposto. Além dos lesionados, os brasileiros que tiveram os seus veículos furtados ou roubados também são isentos da taxa. Também se encaixam os motoristas de táxis, moto táxis, ônibus, micro-ônibus e outros transportes públicos. Em alguns estados brasileiros, os condutores de veículos com mais de 20 anos de fabricação também possuem a isenção de pagamento do imposto. 

O que acontece se eu estiver com o pagamento do IPVA atrasado? 

Além de conhecer como parcelar IPVA, esse também é um dos pontos importantes sobre o imposto. Isso porque, o condutor não pode trafegar por território nacional livremente quando o IPVA está atrasado. Se o motorista for pego em flagrante rodando por uma autoridade de trânsito, o carro e a CNH podem ser apreendidos. Se esse é o seu caso, é importante realizar a retirada do documento e do veículo da apreensão. 

Para isso, será necessário quitar todo o débito existente e a multa pelo tempo em que o veículo ficou recolhido pelo Detran. Caso o seu veículo não tenha sido apreendido, mas mesmo assim existem débitos em aberto, os condutores podem consultar o procedimento de regularização dos documentos através do site do Despachante.com

A arrecadação do dinheiro do IPVA é investida onde?

O imposto do IPVA surgiu como uma alternativa à Taxa Rodoviária Única. Dessa maneira, o valor deixou de ser para o governo federal e passou a ser dos estados e municípios. O valor total que os contribuintes pagam o IPVA é dividido em dois, sendo que 50% é destinado para os municípios em que os automotores foram registrados e o restante é do estado. Quando essa divisão é devidamente realizada, o valor será investido em diversos serviços para a sociedade, como educação e saúde. 

Por que pagar e parcelar o IPVA com o Despachante.com?

Para pagar o IPVA, você pode escolher dentre as diversas possibilidades. Mas para o parcelamento, pode ser feito no DETRAN, mas com parcelamento apenas até 3 vezes sem juros. 

Já no despachante.com, além das diversas vantagens em realizar o processo de pagamento diretamente no site, você ainda pode parcelar em até 12 vezes no cartão de crédito, utilizando até dois cartões de crédito diferentes! E todo aquele processo burocrático fica à critério da nossa equipe de especialistas! Todo o processo é online, de forma simples e prática.

2021-06-01T15:51:51+00:00 maio 31st, 2021|Sem categoria|0 Comentários

Já vai embora sem consultar os seus débitos?

Pesquise agora é grátis!

de desconto

Utilize o código #popup20